sábado, 25 de outubro de 2014

Ibope, votos válidos: Robinson lidera com 8% contra Henrique

0 comentários
ibope 2 turno
Pesquisa Ibope divulgada neste sábado (25) aponta os seguintes percentuais de votos válidos na corrida para o governo do Rio Grande do Norte:

– Robinson Faria (PSD): 54%
– Henrique Eduardo Alves (PMDB): 46%

Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

A pesquisa foi encomendada pela Inter TV Cabugi. No levantamento anterior, divulgada no dia 15 de outubro, Robinson aparecia com 54%, e Henrique, com 46%. Segundo o Ibope, Robinson mantém vantagem na véspera da eleição.
Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
– Robinson Faria (PSD): 47%
– Henrique Eduardo Alves (PMDB): 40%
– Branco/nulo: 10%
– Não sabe/não respondeu: 3%
O Ibope ouviu 812 eleitores em 39 municípios do estado de 22 a 24 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de três pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte sob registro nº RN-00046/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo no BR-01174/2014.

PT avalia que Henrique fez as escolhas erradas, e que não pode reclamar de Lula

0 comentários
Nominuto.com

O Partido dos Trabalhadores está convencido que o maior erro de Henrique Eduardo Alves (PMDB), presidente da Câmara dos Deputados, foi ter menosprezado o partido, e ter se aliado ao DEM e ao PSDB, partidos que fazem oposição ao governo da presidente Dilma Rousseff.

Para os petistas, Henrique ficou sem identidade ao ter no palanque políticos ligados a três candidaturas à Presidência da República - Dilma, Aécio e Eduardo/Marina.

Já com Robinson Faria (PSD) se deu o contrário: a candidatura do vice-governador esteve sempre ligada ao projeto eleitoral do Partido dos Trabalhadores - a eleição de Fátima Bezerra para o senado e à reeleição de Dilma.

ROB-Lula_770

O PT acredita que Henrique poderia ter sido eleito no primeiro turno se não tivesse rejeitado os petistas em favor de uma aliança "estratégica" com José Agripino Maia (DEM), Rogério Marinho (PSDB) e Wilma de Faria (PSB).

"Henrique desejava ganhar a eleição por W.O, sem adversários fortes. Isso não existe em política. Sempre vai haver o outro lado", comentou um petista.

Outro erro apontado por petistas ao presidente da Câmara foi barrar a candidatura de Rosalba Ciarlini (DEM) à reeleição. Na avaliação petista, Henrique deveria ter se aliado ao partido contra Rosalba. "Ele teve medo", disse o político.

Por meio da deputada Fátima Bezerra, o PT sempre deixou claro a Henrique que o palanque com o DEM e o PSDB "não rolava".

"Henrique preferiu ficar com Agripino e tucanos, e deu no que deu", comenta o petista.

Para os petistas, Henrique não pode reclamar do apoio de Lula a Robinson Faria, marcado por um vídeo gravado e bastante usado na campanha eleitoral. "O ex-presidente esteve ao lado das escolhas do partido no Rio Grande do Norte. E para Lula ficou claro que o PT foi rejeitado pelo PMDB potiguar. Quem errou de aliado foi o deputado Henrique Alves", afirmou o petista.

Robinson Faria reconhece que Fátima foi fundamental para que a eleição no Rio Grande do Norte chegasse ao segundo turno. Agora, o PT espera fazer barba, cabelo e bigode. Amanhã (26), o partido espera a reeleição de Dilma e a vitória de Robinson.

A senadora eleita Fátima Bezerra já mandou costurar o vestido da posse.

Prefeito Naldinho foi entrevistado pelo Portal Comunicação

0 comentários
SPP News-
O Prefeito Naldinho, de São Paulo do Potengi, foi entrevistado no último dia 15 de outubro, pelo Jornalista Valberto Pereira, da equipe do Portal Comunicação. Naldinho falou sobre a sua administração.

Assista ao vídeo!

Cobertura das Eleições 2014 é na Web Rádio São Paulo

0 comentários
Durante este dia 26, a equipe da Web Rádio São Paulo estará em vários pontos de São Paulo do Potengi, fazendo uma cobertura total das Eleições 2014. Para acompanhar a transmissão é só acessar o Blog, ou pelo site da Rádio, neste Domingo. (www,webradiosaopaulo.com)

A Transmissão será AO VIVO, diretamente do centro da Cidade. Durante a Programação serão feitas várias entrevistas com eleitores, Prefeitos, Ex-Prefeitos, e outras lideranças da Região Potengi. 

Eleitor gastará em média 42 segundos para votar na urna biométrica

0 comentários
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou hoje (24) a estimativa de tempo que o eleitor deve levar para votar na urna eletrônica, no domingo (26), segundo turno das eleições. Segundo o TSE, nos estados onde a disputa para governador foi definida no primeiro turno, o eleitor precisará, em média, de 18 segundos para concluir a votação na urna comum. Nas urnas biométricas, o tempo de votação previsto é 42 segundos. Neste caso, o eleitor vai escolher somente o presidente da República.

A previsão do tempo de votação em 13 estados e no Distrito Federal, locais onde haverá o segundo turno, o eleitor deve gastar 29 segundos na urna comum e 53 segundos na urna biométrica para votar no candidato a governador e a presidente.

A estimativa leva em conta desde o momento em que o eleitor se apresenta ao mesário e vai à cabine de votação até o último voto na urna eletrônica. No primeiro turno, o tempo de votação foi 61 segundos na urna comum e 85 segundos, na urna biométrica. Foram eleitos deputados federais e estaduais, senadores e 13 governadores.

Agência Brasil

Aécio e Dilma tentam conquistar indecisos no último debate na TV

0 comentários
Jornal de Hoje
65ui56i
No quarto e último debate do segundo turno da disputa presidencial, realizado pela Rede Globo, na noite desta sexta-feira, a presidente Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), vão tentar atrair os votos dos eleitores indecisos – que farão perguntas aos dois candidatos no programa. O debate começa às 22h10, e tem duração prevista de uma hora e 50 minutos, dividido em quatro blocos.

As duas pesquisas de intenção de voto divulgadas na quinta-feira mostraram Dilma à frente de Aécio, pela primeira vez, fora da margem de erro. O Ibope indica 8 pontos de vantagem para a petista (49% a 41%), sendo que 7% dos entrevistados não souberam dizer em quem votariam. Para o Datafolha, a diferença é de 6 pontos percentuais (48% a 42%), com 5% de indecisos.

Dilma deve se concentrar nas realizações de seu governo e em propostas para um segundo mandato, além de explorar aspectos negativos do governo Fernando Henrique Cardoso e da gestão de seu adversário Aécio Neves (PSDB) como governador de Minas Gerais. A expectativa é que os ataques pessoais sejam deixados de lado, depois que pesquisas mostraram a desaprovação do eleitorado.

A preocupação maior da presidente é não cometer erros que prejudiquem sua votação. O debate da TV Globo é considerado uma das principais atividades de campanha no segundo turno, tanto pela audiência quanto pela proximidade da eleição. Dilma começou a sexta-feira disparando contra a revista “Veja” por publicar declarações atribuídas ao doleiro Alberto Yousseff, de que ela e Lula sabiam dos desvios de recursos da Petrobras, investigados na Operação Lava-Jato.

A preparação da presidente para o debate começou na quinta-feira. Hospedada em um hotel no Rio, a presidente treina perguntas e respostas com o marqueteiro João Santana, ministros e assessores. Uma de suas principais auxiliares nessas ocasiões é a chefe do gabinete-adjunto de informação da Presidência da República, Sandra Brandão, que compila os dados do governo e elabora fichas para Dilma, que adora números, consultar.

No segundo turno, no entanto, Dilma parou de citar tantos números e estatísticas durante os debates e também reduziu a consulta a papéis. A avaliação em sua campanha é que seu desempenho melhorou, que ela passou a falar com mais desenvoltura e a demonstrar mais segurança.

Desde o último debate, na TV Record, Dilma passou a separar dois dias, em vez de um, para sua preparação. A mudança na rotina coincide com demonstrações de cansaço da presidente, que passou mal após o debate do SBT, na semana passada

O presidente do PT, Rui Falcão, disse que a partir das 16h a candidata faz os últimos preparativos para o debate. Ele e toda a comitiva da presidente estão em um hotel na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. Ali, Dilma e os coordenadores de campanha Miguel Rossetto e Aloizio Mercadante, além do ministro da Justiça José Eduardo Cardozo estão hospedados. A estratégia para o encontro desta noite, segundo Falcão, é um debate propositivo.

Com foco nos indecisos, que segundo pesquisas da campanha estão “cansados” da pancadaria da campanha, Aécio Neves vai centrar sua participação nas propostas de seu programa de Governo, segundo integrantes de sua campanha. Preparado para alguma “pegadinha” da presidente Dilma Rousseff, o tucano só vai revidar se provocado. A estratégia é se sair bem no debate decisivo para atrair os indecisos e motivar os militantes para o sábado e domingo.

As pesquisas internas encomendadas nesta sexta-feira para definir a estratégia do último programa de TV e a participação de Aécio no debate mostraram que 83% dos eleitores do tucano dizem que não mudam o voto de jeito nenhum; 84% dos eleitores de Dilma também não mudarão seu voto; 1% tem grande chance de mudar e 4% alguma chance de trocar de candidato e 10% ainda estão indecisos mas não querem troca de farpas ao invés de propostas.

— Aécio terá uma participação leve e propositiva, mas estará pronto para reagir a alguma pegadinha de Dilma — diz um dos coordenadores da campanha.

Os coordenadores da campanha tucana acham que o modelo do debate da TV Globo favorece o desempenho de Aécio, que poderá circular, caminhar entre as pessoas e mostrar confiança.

— Aécio vai jogar toda a sedução dele, ele tem uma ginga, fica mais a vontade nesse ambiente com pessoas. E o tempo é mais curto para perguntas, evita muito discurso. O debate dificilmente vai mudar votos, mas vai definir o clima nos dois últimos dias. Se ele se sair bem a turma vai com mais ânimo para as ruas nos eventos mais importantes da véspera da votação — prevê um dos coordenadores.
sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Governo do Estado nomeia mais 53 policiais civis

0 comentários
Tribuna do Norte
Governo nomeou 20 delegados, 17 agentes e 16 escrivães
O Governo do Estado, através da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, convocou mais 53 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães, para atuarem na segurança do Rio Grande do Norte. A nomeação foi publicada na edição do Diário Oficial de hoje (24), um dia após a decisão judicial que determinou a convocação de 824 concursados para a Polícia Militar.

Na nomeação publicada hoje, estão 20 novos delegados de Polícia, 17 agentes e 16 escrivães, todos já submetidos ao curso de formação, que foi referente ao concurso de 2008. Confira a lista dos convocados.

Além dos nomeados, o Governo já havia realizado a convocação, no dia 14 de outubro, de 303 candidatos aprovados no concurso também para a Polícia Civil, mas que ainda serão submetidos ao curso de formação - que não tem data para ocorrer. Foram 95 candidatos ao cargo de delegado, 151 para agentes e 57 para o cargo de escrivão.

Termina hoje propaganda eleitoral no rádio e na televisão

0 comentários
A dois dias do segundo turno das eleições, termina nesta sexta-feira (24) a propaganda eleitoral gratuita veiculada no rádio e na televisão. Também é a data limite para a divulgação paga de propaganda eleitoral na imprensa escrita e para a realização de debates. Nesse último caso, a transmissão não deve ultrapassar a meia-noite. É nesta sexta-feira o último dia para que os presidentes das mesas comuniquem à Justiça Eleitoral que não receberam o material destinado à votação de domingo (26). Carro de alto-falante ou amplificadores de som para divulgação de propaganda está permitido até sábado (25), véspera da votação, entre as 8h e as 22h. A distribuição de material gráfico, a realização de caminhadas, passeatas e carreatas, além da divulgação de jingles ou mensagens dos candidatos podem ser feitas também até as 22h.

No segundo turno das eleições, neste domingo (26), cerca de 143 milhões de eleitores estão aptos a votar para presidente da República e governadores de 13 estados e do Distrito Federal. Apesar do horário de verão nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, a votação será feita das 8h às 17h, obedecendo o horário local. Com o horário de verão, o Acre passou a ter três horas a menos em relação ao horário de Brasília. Por isso, a divulgação dos números das eleições para presidente da República começará às 20h (de Brasília). Os resultados para governador nos 13 estados e no DF serão conhecidos logo após o encerramento da votação.

Agenda dos candidatos ao governo para esta sexta

0 comentários
Os dois candidatos ao Governo do Estado seguem realizando suas últimas ações de campanha antes do segundo turno das eleições 2014.
Os governadoráveis participam de caravana, carreatas e caminhadas pela capital potiguar e Grande Natal.


Henrique Alves (PMDB)

7h – Visita à Ceasa
9h – Caravana 15 (Caminhada no Conjunto dos Guarapes com concentração na quadra de esportes)
11h – Visita ao Centro da Cidade Alta
15h – Carreata do 15 em Parnamirim com concentração no Parque Aristófanes Fernandes
17h – Carreata do 15 em Macaíba
17h – Carreata na zona Norte do prefeito Carlos Eduardo

Robinson Faria (PSD)

10h – Caravana da Vitória na zona Oeste de Natal, nos Bairros: Nazaré, Bom Pastor e Dix Sept Rosado.

Saída: Av. Lima e Silva em Frente ao Conselho Comunitário do Bairro Nazaré, próximo à linha do Trem.

15h - Caminhada das Mulheres Pró Dilma e Robinson.
Saída: Praça Gentil Ferreira, Alecrim.

18h30 - Caravana da Vitória no Município de Macaíba.
Saída: Rua Areia Branca no Bairro Morada da Fé concluindo na praça no M em Frente ao Banco do Brasil, Centro.

Candidato ao Governo do RN, presidente da Câmara se queixa de Lula

0 comentários
Folha de S.Paulo

De favorito a azarão nas eleições ao governo do Rio Grande do Norte, o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), já escolheu um culpado para seu eventual fracasso nas urnas: o ex-presidente Lula.

Deputado há 44 anos e em segundo lugar na disputa local, ele não se conforma com o vídeo de apoio ao seu rival –o vice-governador Robinson Faria (PSD)– gravado por Lula na reta final do primeiro turno, quando o peemedebista liderava e sonhava com uma vitória já nessa etapa.

"Olhem como a política também tem suas injustiças", afirmou Alves, na noite da última quarta (22), em comício acompanhado pela Folha em São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal.

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB), faz campanha em Natal (RN)
O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB), faz campanha em Natal (RN)

"Eu acho que ele só viu o candidato Robinson naquele dia em que, a pedido do PT, ele foi fazer a gravação [do programa de TV]. Se amanhã passarem numa calçada Lula e ele, eu acho que Lula nem vai mais se lembrar da cara dele", disse o candidato.

Ao longo de quase todo o primeiro turno, Lula e a presidente Dilma se mantiveram longe da disputa potiguar.

Alves, que lidera uma coligação de 17 partidos, incluindo o PSDB de Aécio Neves, liderou todas as pesquisas do primeiro turno e, nas urnas, venceu o rival por 47% a 42%.Para tentar equilibrar o jogo, Alves passou a usar um depoimento de seu correligionário de maior proeminência, o vice Michel Temer (PMDB).

Alves resolveu externar sua indignação com Lula em São Gonçalo do Amarante, onde foi construído um novo aeroporto para a Copa do Mundo.

O empreendimento, que já opera mas ainda parece inacabado, foi batizado com o nome do pai do candidato, o ex-governador Aluízio Alves. Mas, nesse discurso, o presidente da Câmara o chamou de "aeroporto de Henrique".

"Presidente Lula, o senhor deveria era dizer ao Rio Grande do Norte que foi Henrique Eduardo Alves que deu [o aeroporto]", disse o candidato.

Em conversa com a Folha na semana passada, o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) comentou a atuação de Lula na campanha de Robinson.

"O Henrique preferiu outra aliança. A gente faz escolhas na vida. Ele fez um outro caminho, nos excluiu da chapa dele. É uma escolha que eles fizeram. Não fomos nós".

Em conversa com a Folha na semana passada, o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) comentou a atuação de Lula na campanha de Robinson.

"O Henrique preferiu outra aliança. A gente faz escolhas na vida. Ele fez um outro caminho, nos excluiu da chapa dele. É uma escolha que eles fizeram. Não fomos nós".
quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Inter TV Cabugi promove debate com candidatos ao governo do RN

0 comentários
CBN
henrique robinson campanha
O último debate com os candidatos ao governo do Rio Grande do Norte na TV aberta acontece na noite desta quinta-feira (23) na Inter TV Cabugi. O programa vai ao ar logo após a novela Império, e terá a mediação do jornalista Ari Peixoto. O debate colocará frente a frente os candidatos Henrique Eduardo Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD).

O jornalista Ari Peixoto, que está em Natal para mediar o debate, acredita que o maior tempo para perguntas e respostas pode melhorar o nível do debate. “Como o debate desta vez tem menos candidatos, eles terão mais tempo para perguntar e responder. Com isso os telespectadores/eleitores terão oportunidade de conhecer melhor as propostas. Uma boa chance principalmente para os indecisos. No domingo a população decidirá quem se saiu melhor nos debates e nas eleições como um todo”, afirmou.

A ordem em que os candidatos farão perguntas foi sorteada com a presença de representantes de todos os partidos. De acordo com as regras, o debate terá três blocos. No primeiro e no segundo bloco haverá uma rodada de perguntas com tema livre e uma rodada com tema determinado. O terceiro bloco será para as considerações finais de cada candidato.

Nos dois primeiros blocos, cada candidato terá direito a fazer duas perguntas de tema livre e duas perguntas de tema determinado. Os candidatos terão trinta segundos para fazer as perguntas e um minuto e meio para as respostas. A réplica e a tréplica terão limites de um minuto.
quarta-feira, 22 de outubro de 2014

PESQUISA CERTUS/BG REJEIÇÃO: Henrique é rejeitado por 35.83% e Robinson por 28.54%

0 comentários
O BlogdoBG e a Certus publicam nesta quarta-feira(22) mais uma pesquisa de opinião com os cenários para o 2º turno no RN. A Certus Pesquisa e Consultoria foi as ruas entre 18, 19, 20 e 21 de outubro e entrevistou 1510 eleitores em todo o RN.

A pesquisa tem registro no TSE de Nº BR-01156/2014 e no TRE Nº RN-00045/2014. A Margem de erro é de 3% e o índice de confiabilidade é de 95%.

Vejam como ficou a rejeição dos candidatos ao Governo do Estado:

Certus Rejeição

PESQUISA CERTUS/BG PRESIDENTE: Dilma tem 61.46% e Aécio 28.54%

0 comentários
O BlogdoBG e a Certus publicam nesta quarta-feira(22) mais uma pesquisa de opinião com os cenários para o 2º turno no RN. A Certus Pesquisa e Consultoria foi as ruas entre 18, 19, 20 e 21 de outubro e entrevistou 1510 eleitores em todo o RN.

A pesquisa tem registro no TSE de Nº BR-01156/2014 e no TRE Nº RN-00045/2014. A Margem de erro é de 3% e o índice de confiabilidade é de 95%.

Vejam como ficou o cenário para o Presidente da República na perspectiva estimulada:

Certus Presidente Estimulada

PESQUISA CERTUS/BG VOTOS VALIDOS: Robinson tem 51.56% e Henrique 48.44%

0 comentários
O BlogdoBG e a Certus publicam nesta quarta-feira(22) mais uma pesquisa de opinião com os cenários para o 2º turno no RN. A Certus Pesquisa e Consultoria foi as ruas entre 18, 19, 20 e 21 de outubro e entrevistou 1510 eleitores em todo o RN. A pesquisa tem registro no TSE de Nº BR-01156/2014 e no TRE Nº RN-00045/2014. A Margem de erro é de 3% e o índice de confiabilidade é de 95%. Vejam como ficou o cenário para o Governo do Estado já na perspectiva dos votos validos:

Certus Validos

Alunos e servidores do IFRN de São Paulo do Potengi promoveram "Rousselfie" pró-Dilma

0 comentários
Do SPP News:
Rosselfie em São Paulo do Potengi, na calçada da Igreja Matriz
Servidores e alunos do IFRN de São Paulo do Potengi fizeram um belo movimento pró-Dilma em nossa cidade, na manhã desta quarta-feira (22).

O movimento iniciou em frente ao IFRN, quando servidores e alunos saíram em caminhada, passando pelo Novo Juremal, e pelas ruas Coronel Freire e Bento Urbano, fazendo panfletagem e pedindo votos em favor da candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT). O evento foi finalizado na Praça Monsenhor Expedito, onde as pessoas que participaram da caminhada se encontraram com outras várias pessoas que já estavam na praça.

Com gritos de guerra, como: "Olé, olé, olé, olá, Dilma, Dilma!", a turma pousou para o "Rousselfie" na calçada da Igreja Matriz. Em seguida, várias pessoas fizeram suas falas em favor de Dilma, destacando principalmente as conquistas para educação, como a expansão dos Institutos Federais. Dentre outras pessoas, falaram o prefeito Naldinho, o vereador João Cabral, e o Diretor Geral do IFRN, Ednaldo Paiva.